Brincando de Antônimo

O pessoal tava tomando umas num bar de beira de estrada.Um deles metido a esperto, diz para um caipira:
– Ô Zé ! Vamos brincar de antônimo?
– Oquecosorfalô?
– Brincar de antônimo. Quer dizer, uma coisa contrária da outra! Por exemplo : alto e baixo, forte e fraco…
– Ah..intindi! Então, vamu brincá! O que vai valê?
– Uma cerveja. Eu começo, tá?
E começaram a brincadeira.
Disse o espertalhão:
– Gordo? E o caipira: – Magro!
– Homem? – Muié!
– Preto? – Branco!
E o espertalhão: – Verde? – Verde? Nada! Verde num tem antônimo não…
– Claro q tem!
– Então exprica…
– Maduro!
Aí o caipira, sem jeito:
– Ai, pirdi a aposta. Mais isso num fica assim não! Vamu di novo, valendo uma caixa de cerveja?
– Ah! Ah! Mas é um caipira mesmo… Vamos lá, pode começar! – diz o espertalhão.
– Sede? – Fome!
– Molhado? – Seco!
Aí, o caipira disse:
– Agora ocê já era, amigo, seu fiudumaégua! Que vê só? Fumo?
– Não, não! Pára! Peraí… Fumo não tem antônimo!
– Craro q tem!
– Então diz aí: qual o antônimo de fumo?
– Vortemo!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: